Publicidade

Posts com a Tag pegada de carbono

quinta-feira, 14 de junho de 2012 Nota | 13:14

Pegada de carbono da Rio+20 deve chegar a 5 mil toneladas

Compartilhe: Twitter

Dados preliminares calculados pela Coordenação de Sustentabilidade do Comitê Nacional de Organização (CNO) indicam que a pegada de carbono deixada pela Rio+20 será da ordem de 5.000 toneladas. Após o término do evento será feita uma nova avaliação. Pegada de carbono é a medida da quantidade de dióxido de carbono (C02) e outros gases com efeito estufa (GEE) que uma pessoa ou atividade produzem.

Rio+20 terá aplicativo para calcular pegada de carbono das delegações

Foram calculadas as seguintes fontes de emissão: Uso de combustíveis nos veículos terrestres oficiais da Conferência; Uso de energia elétrica nos principais locais da Conferência; Disposição de resíduos gerados nos principais locais da Conferência; Viagens aéreas dos delegados credenciados e secretariado das Nações Unidas.

Acompanhe a cobertura do iG sobre a Rio+20
Bolsa verde terá primeira negociação
A história pouco conhecida de um herói ambientalista nacional

Durante a Rio+20, serão realizadas atividades de redução das emissões de GEE. Segundo a Coordenação de Sustentabilidade, “dados preliminares indicam que as emissões decorrentes da organização do evento -associadas ao consumo de combustíveis em equipamentos fixos, transporte terrestre oficial, consumo de energia elétrica e disposição de resíduos sólidos nos principais locais da reunião – serão da ordem de 5.000 toneladas, total bastante inferior ao benchmark identificado em eventos internacionais similares”.

“As emissões decorrentes da organização da RIO+20 que não puderem ser reduzidas serão compensadas através do uso das ‘reduções certificadas de emissão’ (RCEs) provenientes de projetos brasileiros do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL),estabelecido pelo Protocolo de Quioto. O uso do MDL garante que as reduções são reais, adicionais e mensuráveis.”

Autor: Tags: , , ,

Nota | 12:15

Aplicativo calcula pegada de carbono no deslocamento de delegados para Rio+20

Compartilhe: Twitter

Um aplicativo que calcula qual a pegada de carbono dos participantes que vieram para a Rio+20 será anunciado hoje à tarde (dia 14) pelo ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, em uma conferência no Riocentro, sede da Conferência da ONU. Pegada de carbono é a medida da quantidade de dióxido de carbono (C02) e outros gases com efeito estufa (GEE) que uma pessoa ou atividade produzem.

Logotipo da Rio+20

Acompanhe a cobertura do iG da Rio+20

O aplicativo que será apresentado por Patriota foi desenvolvido em parceria pelo Comitê Nacional de Organização da Rio+20, a Caixa Econômica Federal e o Pnud Brasil. Há outros disponíveis, inclusive online, para quem quiser ter uma ideia aproximada de quanto polui.

O CNO calculou qual será a pegada de carbono do evento em solo nacional e estratégias para compensação. Patriota irá anunciar o montante que será gerado e como será feita a compensação. No entanto, o Brasil não irá compensar a emissão provocada pelo deslocamento dos participantes estrangeiros até o Rio. O aplicativo permitirá que cada delegação, ou cada integrante, saiba quanto poluiu para chegar até a conferência e, voluntariamente, busquem compensar as emissões.

Bolsa verde terá primeira negociação
A história pouco conhecida de um herói ambientalista nacional

O aplicativo ficará disponível aos participantes para que eles possam medir as emissões da viagem até a conferência e comprar RCEs (reduções certificadas de emissão) oferecidas por projetos brasileiros do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo.

Segundo o CNO, os resultados das estimativas (antes e depois da Rio+20), as atividades de redução de emissão de GEE implementadas durante o encontro e a lista dos projetos que doaram RCEs para a compensação das emissões da organização do evento serão divulgados após o término da conferência.

Autor: Tags: , , , , ,