Publicidade

sexta-feira, 16 de março de 2012 Entrevista | 17:58

Custo das Olimpíadas só será sabido após evento, avisa presidente da Empresa Olímpica Municipal

Compartilhe: Twitter

Os últimos dias foram importantes para o projeto das Olimpíadas de 2016 no Rio. Foram definidos alguns pontos, como a responsabilidade pela construção do Parque Olímpico, que ficará a cargo de um consórcio formado por Odebrecht, Carvalho Hosken e Andrade Gutierrez. Foram estabelecidas diretrizes para a construção e aproveitamento das edificações pelo mercado imobiliário do Porto Olímpico, que é a maior parceria público-privada do País. Foi anunciado que o escritório norte-americano Hanse Golf Course Design ganhou o concurso para construir o campo de golfe. E o Parque dos Atletas – que será o local de descanso e entretenimento dos esportistas durante os jogos – foi aberto ao público.

Mas uma questão central ainda está longe de ser definida. Afinal, quanto vai custar fazer as Olimpíadas no Brasil?

Leia mais notícias sobre Olimpíadas

Acompanhe as últimas notícias sobre esporte

Presidente da Empresa Olímpica Municipal (a quem cabe coordenar o projeto Rio 2016 no âmbito carioca), Maria Silvia Bastos Marques (ex-presidente da CSN e da Icatu Seguros), avisa que só será possível saber o valor gasto das Olimpíadas após o término do evento.

Maria Silvia Bastos Marques (à dir. na foto) "dá uma tacada" em visita de representantes do COI ao Rio

Maria Silvia (à dir) 'dá uma tacada' em visita de representantes do COI ao Rio. (Divulgação/J. P. Engelbrecht)

Maria Silvia compara a realização das Olimpíadas a uma grande obra em casa, só que em uma dimensão muito maior. Ela lembra que quem já enfrentou uma reforma sabe que é difícil respeitar prazos e orçamentos para quebrar um banheiro ou uma cozinha.

“Quando se fez o dossiê de candidatura, se fez uma estimativa de valor, mas não havia projeto. Você só tem orçamento quando se faz um projeto básico, com detalhamento. Só se tem um orçamento final quando a obra acaba. Mesmo durante o projeto executivo, que te dá uma medida muito próxima, acontecem imprevistos, uma greve de trabalhadores, atrasos, um equipamento quebra, um material não chega…”, enumerou para a coluna.

Para complicar, no caso das Olimpíadas os projetos estão sendo desenvolvidos em ritmos diferentes. E há várias esferas de poder envolvidas, já que não é um orçamento do município. Envolve cidade, Estado, governo federal e comitê organizador.

“Há projetos em fase de maturidade avançada, com a Transcarioca e a Transoeste, e outros que sequer foram licitados, como a Transbrasil e a Transolímpica. Se eu somo um com outro, eu somo coisas completamente diferentes”, explica ela citando obras de transporte na cidade. “A Transoeste vai ficar pronta este ano, o valor está próximo do custo final. A TransOlímpica está em licitação. E a TransBrasil sequer foi licitada. Os valores são estimativos. É claro que se a estimativa inicial é de R$ 100 milhões não deve virar R$ 500 milhões. Mas pode virar R$ 80 milhões, R$ 130 milhões ou R$ 150 milhões”.

A proposta vencedora para a construção do Parque Olímpico, por exemplo, foi de R$ 1,375 bilhão – pouco abaixo da previsão de R$ 1,4 bilhão.

Com a experiência de quem já comandou a secretaria de Fazenda do município e foi diretora do BNDES, Maria Silvia acha insensato cobrar que um orçamento para uma obra tão grande não tenha ajuste. Mas, o importante, é saber comunicar essa questão do orçamento com transparência para evitar a percepção de que houve aumento de gasto e falta de controle das verbas.

“Londres aumentou mais de três vezes o orçamento das Olimpíadas. E é tido como um case de cumprimento de orçamento. Por quê? Por que foi bem comunicado. É preciso explicar. Eu não quero que o dinheiro do meu imposto seja usado para pagar uma coisa que não deveria custar aquilo”, diz ela que promete, em breve, ter um site da Empresa Olímpica que mostre a evolução dos gastos com os Jogos.

“Mas não é uma tarefa fácil comunicar o orçamento de uma coisa tão complexa quanto a realização dos Jogos”, admite, já sabendo qual será uma de suas tarefas mais difíceis.

Autor: Tags: , , , , ,

23 comentários | Comentar

  1. 73 Canjos 17/03/2012 22:58

    Dá pena ler estas declarações, as veses nem penso tenho certeza, que estes gestores e politicos pensam que somos uns babacas e imbecis(para não dizer BURROS)

  2. 72 Alexandre Gomes 17/03/2012 22:09

    Só o povo é que não vai usufruir dessa dinheirama que vai e está entrando no Rio de Janeiro por causa das Olimpíadas de 2016. Nosso atendimento médico está falido e com morte decretada e anunciada. Educação nem se fala. Os professores já ameaçam outra greve. Será que eles não se tocam em dizer que a farra com o DINDIM público já começou e o povo não vai ver um tostão furado.

  3. 71 ivani 17/03/2012 20:02

    os carioca vai pagar caro por isso há um caos na cidade poeira em campinho ruas cheio de buracos calçadas interditadas av venezuela~mais de 50 mil arvores derrubadas com transoeste e transcarioca , para gringo ver temos que pagar pelo descaso de perimental derrubada e a um tempo atras o mesmo queria fechar av rio branco e aterro vamos viver como em sao paulo niquem vai andar na cidade basta parar em certo ponto e voce e multado parace na ditadura dos anos 70 o direito de ir e vir ameaçado , precatorios o estado e municipios nao paga agora para colocar radar para ver quem pagou ou nao ipva funciona para o estado a lei tem que funcionar

  4. 70 Augusto 17/03/2012 20:02

    Para quem não sabe, o arquipélago denominado “Ilhas Cayman ” é um território britânico situado no Caribe muito conhecido por se tratar de um paraíso fiscal onde alguns brasileiros costumam enviar as suas economias como alternativa aos baixos rendimentos proporcionados pela caderneta de poupança…

  5. 69 ivani 17/03/2012 19:56

    isto todos nós ja sabemos e a copia do pan de 2007 aonde o valor saiu 3 vezes a mais sempre existiu o superfaturamento temos eleição este ano assim o nosso prefeito vai ser eleito de novo , essa olimpiadas e para gringo ver porque jogos em dolar quem entra no maracana agora so quem tem a cidade da musica esta abandonada não existe responsabilidade nenhuma de niquem depois o mp se manifesta ai entrar no final da copa a pf no brasil primeiro desvia a grana depois e investigado

  6. 68 manoel 17/03/2012 17:09

    Pode ter certeza de que a farra do dinheiro publico vai ser das melhores vuja a foto dos farristas acima como estão no mundo das maravilhas que pais bom que se rouba a vontade e ainda rrir dos contribuintes que beleza

  7. 67 Marcelo Ribeiro 17/03/2012 16:37

    Acredito que um País evolui com ações ousadas e determinantes, como a promoção das olimpíadas, mas não podemos esquecer que no Brasil toda e qualquer obra é transformada em oportunidade super faturamento, não podemos perder o controle da situção, temos que fiscalizar.

  8. 66 Carlos Azambuja 17/03/2012 16:04

    Mais uma vez nós fluminenses vamos pagar o pato ! Nos enfiaram goela abaixo uma Olimpíadas que não queríamos e agora essa conta que pelo jeito sobrará para nós.

  9. 65 sebastiao 17/03/2012 14:59

    kakakakakakakakakkka vamos fazer assim pois ja estamos acostumados a roubalheira,pode saber que por tras disto tem falcatrua, isto meus caros nao diz respeito unicamente a um ou dois partidos mas, a todos os partidos, conluio(associaçao para) é o nome da politica neste pais, enfim , fazer o que num pais de terceiro mundo com pensamentos politicos de quinta, dimensao muito pobre de pensamento.

  10. 64 Ernesto da Silva 17/03/2012 14:09

    Carmem, o Rio não precisa de olimpíadas nem de copa, o Rio precisa de bons administradores, o que fazem com tanto Royalties de Petróleo?Nos últimos dados do Ideb o Rio ficou no final da fila em educação e na semana retrasada saiu os dados sobre a saúde pública o Rio está entre os piores Estados, isso por quê o Governo Federal tem ajudado muito o Rio para obter apoio político do Governador que é da base aliada.

  11. 63 Manoel Carlos 17/03/2012 13:37

    Eu acredito muito nessa comissão .

    Tal qual a LIBERDADE EM CUBA .

  12. 62 edy clodio petry jardim 17/03/2012 11:22

    Quanto vai custar? Vai custar milhares de vidas de brasileiros abandonados pelo SUS,
    vai custar milhares de brasileiros com educação mediocre,vai custar a vida infernal
    de favelados,vai custar a manutenção de presidios que ofendem a moral humana.
    Quem esta calculando este custo?

  13. 61 Airdel 17/03/2012 9:39

    E as contas do Panamericano com ficaram? Até hoje não houve publicação a respeito

  14. 60 DERVALDO SILVA 17/03/2012 9:16

    é incrível. no Brasil é sério… será que precisamos mesmo de gastar tanto dinheiro na realização de uma copa do mundo e de uma olimpiada. E nossos hospitais todos falidos e a nossa educação…

  15. 59 José Raimundo 17/03/2012 1:41

    COM A PALAVRA O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL , O SUPERIOR TRIBUNAL FEDERAL, E O SUPREMO TRIBUNAL FEDERA !
    POR FAVOR ACIONE IMEDIATAMENTE A POLÍCIA FEDERAL .
    QUANTO O ANALFABETO RECEBEU DE PROPINA DO COI E DE RICARDÃO???
    FOI A ÚLTIMA PROPINA AO APAGAR AS LUZES DO ESCONDERIJO DE ALÍ-BABÁ E SEUS 40 COMPARÇAS ! COCOOORRRRRRRRRRRRRRROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!

  16. 58 Shirlei Horta 17/03/2012 0:04

    Que adjetivo se pode usar para avaliar a declaração de uma ex-presidente da CSN e da Icatu Seguros e ex-Secretária da Fazenda municipal, além de ex-diretora do BNDES, de que a realização de olimpíadas é comparável a quebrar um banheiro, só que muito maior? Fiquei aqui imaginando se ela estava se referindo à quantidade de merda… (com o perdão da má palavra).

  17. 57 ZE DA PRAIA 17/03/2012 0:02

    Engraçado 5 comentarios e so um falando em dar credito , como se isso fosse necessario , pros PTRALHAS e seua aliados no RJ. Fizeram o povo do estado acreditar que teriam um estado maravilhoso apos a realização das OLIM PIADAS ( assim mesmo separado) pois sera a maior papagaiada da historia do estado e do pais, pois os mesmos irao encher os bolsos e o povo continuara sem escolas de qualidade, atendiento a saude precario, falta de saneamento básico, a baia totalmente açoreada e cheia de lixo e esgoto, a lagoa nem se fala, mas terão o orgulho de baterem no peito que tiveram uma OLIM PIADA no estado . Acorda povo vcs ja deixaram a mais de 42 anos de serem a capital (dai a mais importante cidade ) do Pais. Relemrem o descas com que estoa sendo tatadas as vitimas da enchentes e desmoronamentos e dai vejam o que os espera no futuro se continuarem a votar errado ou acreditando em historias da carochinha, o pais da ALICE ( O DAS MARAVILHAS) COM TODA CERTEZA NÃO É AI E NEM NO BRASIL, como os PTRALHAS querem nos fazer acreditar

  18. 56 Miguelito 16/03/2012 22:44

    Sei… Só depois ? Tá certo, farra com dinheiro público,

  19. 55 Fernando Luís de Miranda Basto 16/03/2012 21:47

    Após ler a entrevista com a srta. Maria Silvia, fiquei um tanto quanto preocupado, no que diz respeito as construções (e términos) das obras ‘Transolímpica’ e TransBrasil’. E no que se refere ao site da Empresa Olímpica, que mostre a evolução dos gastos com os jogos, pq. o mesmo ainda não foi criado e colocado na web ? Olho-vivo, pois corremos contra o tempo, dona Maria !!!

  20. 54 nil 16/03/2012 21:25

    ESTAMOS PERDIDOS , O POVO JÁ ESTÁ PAGANDO COM FALTA DE SAÚDE PÚBLICA , TRANSPORTE , EDUCAÇÃO DE QUALIDADE E VALOR MUITO BAIXO DA APOSENTADORIA…..

  21. 53 cmelius 16/03/2012 21:21

    Tanto planejamento, tanto levantamento pra que? Para nos fazerem de trouxas!!!!

  22. 52 carmen c. perine 16/03/2012 20:14

    Vamos, dar crédito, a comissão de obras para as olimpíadas de 2016, este evento, será algo muito bom para o Rio, o estado que estava em plena decadência, e agora depois de ser escolhido para estes eventos, o Rio, passou a ser respeitado,não só no brasil, como também no exterior, este pedacinho do mundo tão lindo, e de povo tão hospitaleiro, merecem, o respeito e o amor de todos…carmen

  23. 51 ANÍBAL DOS SANTOS FILHO 16/03/2012 20:10

    Ah tá!

  1. ver todos os comentários

Os comentários do texto estão encerrados.